Como não ser um anarcochato

Sim, nós sabemos. Você aprendeu um pouco sobre a filosofia libertária e quer muito divulgá-la para seus amigos e pessoas próximas. Mas calma, há formas e formas de se vender liberdade.

Aqui estão algumas sugestões para você não ser um anarcochato:

1. Tenha paciencia para dialogar

Se você pretende ensinar alguém sobre libertarianismo, lembre-se de que a ideia estatal é imposta desde que nascemos, reforçada na escola, faculdade, na cultura, na mídia. Ela está bastante ‘’enraizada’’.

Você dificilmente mudará a visão de alguém em apenas dez minutos de conversa. Então, é necessário entender que
mudar de ideia leva tempo e exige muita paciência.

2. Saiba argumentar

Estude para ter mais argumentos a seu favor e ser coerente com o que de fato o anarcocapitalismo defende. Não adianta tentar convencer alguém se nem você faz ideia ou não tem segurança sobre o que está falando.

Tome cuidado para não utilizar ad-hominem, argumentos de autoridade ou espantalhos. Mantenha o diálogo sempre no campo das ideias.

3. Não recomende 50 livros

Se você recomendar muitos livros logo de cara, isso provavelmente vai causar um desinteresse repentino em quem você está dialogando. Comece recomendando conteúdos mais simples e mais práticos, como: vídeos, artigos, como do próprio site do Ideias Radicais. Há livros introdutórios, mas indique algo que tenha relação com as principais preocupações do seu interlocutor.

Vale ressaltar que não precisa ter lido centenas de livros para se considerar um libertário.

4. Não seja insistente e saiba os momentos de conversar sobre ideias

Nem sempre será possível instigar alguém a mudar seus pensamentos, então esteja ciente que algumas pessoas nunca vão deixar de concordar com agressão e achar que isso seja justificável.

Algumas podem levar um tempo até conseguirem assimilar a filosofia libertária, mas isso ainda é uma decisão delas e não de você.

Vídeo complementar

Aqui estão mais algumas sugestões para você não ser um anarcochato:

Não deixe de fazer algo a respeito

Uma das ações mais comuns que libertários buscam se engajar é a partir da criação de um grupo de estudos. Para ajudar a esse processo, a equipe do Ideias Radicais lançou um ebook com o título Como liderar um grupo de estudos — O Guia Essencial.

A obra contém quatro tópicos principais: A origem dos grupos de estudos, Métodos para captação de recursos, Estratégias para manter os membros engajados e Como fazer a transição ao final do período de gestão.

Assim, se você tem ou quer criar um grupo de estudos sobre liberdade, este conteúdo poderá ajudá-lo em seus principais desafios a fim de construir uma estratégia que cumpra o propósito do grupo e deixe um legado pela liberdade.

Acesse agora Como liderar um grupo de estudos — O Guia Essencial.

, , ,

Raphaël Lima

Por:

Fundador e CEO do Ideias Radicais.

Relacionados

melhores países imigrantes

Os 8 melhores países para imigrantes e como mudar pra lá

Emigrar não é uma decisão fácil, mas listamos os melhores países para brasileiros que querem buscar a felicidade em outras regiões do mundo.

, , , , , , , , , , , , , , , ,

BitPreço
Settee